Matinhos declara estado de emergencia devido à febre amarela no litoral

Considerando que a Febre Amarela é uma doença grave e que pode levar ao óbito, o prefeito de Matinhos, Ruy Hauer Reichert (PR), decretou na tarde dessa quarta-feira estado de emergência municipal.

Grande parte do município é constituída de matas, florestas e outros tipos de áreas de preservação ambiental. Já foi confirmada a morte de macacos por Febre Amarela na região do litoral.

Os sintomas da doença incluem febre, dor muscular, náuseas, vômitos, perda do apetite e fraqueza. Na fase aguda da doença, os sintomas costumam durar entre três e quatro dias e passam sem medicação. No entanto, quando acompanhados de hemorragia, pode ser fatal.

Com o decreto, serão intensificados os esforços de vacinação no município. As Unidades de Saúde da Família passarão a funcionar das 07:00 as 19:00 por 180 dias em caráter emergencial.

Um comentário em “Matinhos declara estado de emergencia devido à febre amarela no litoral

Deixe uma resposta